Muito cedo, Luiz Palmier iniciou suas atividades profissionais como balconista em uma farmácia de sua natal. Conciliando trabalho e estudos, formou-se pela Escola de Farmácia de Ouro Preto, aos 19 anos, e, mais tarde, em 1918, graduou-se médico pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro.
Em campanha pela construção do Hospital de São Gonçalo, ele conheceu Olga Correa de Sá e Benevides, que morava no Rio de Janeiro e freqüentava a cidade de São Gonçalo, local onde residiam seus avós. Em 1925, Olga e Luiz Palmier vieram a se casar. O reduto da família em São Gonçalo por muito anos, foi a bela chácara em estilo colonial na rua Sá Carvalho, atual bairro da Brasilândia.
Como as de tantos outros, as experiências familiares e profissionais de Luiz Palmier se entrecruzaram, enredando-se nos cenários do município que adotou: São Gonçalo.

Familiar

Profissional