LUIZ PALMIER : o intelectual e a cidade
Luiz Palmier representa, entre letrados e políticos do Município de São Gonçalo, uma personalidade reverenciada. Expressão dessa admiração, Luiz Palmier nomeia diversos espaços que compõem a paisagem da cidade: rua, praça, escola, hospital.
O seu renome está relacionado às propostas de conformar uma nova São Gonçalo. Durante a década de 1930, organizaram-se serviços de saúde, assistência à maternidade e à infância e expandiram-se as preocupações com as áreas da educação e da cultura. Desde essa época, até o seu falecimento, em 1955, o nome de Palmier, associado à localidade de São Gonçalo, só ganhou amplitude.
Fosse por suas ações pessoais, fosse pelas relações estabelecidas com políticos, intelectuais e letrados, Luiz Palmier pautou suas vivências em campos de sociabilidades – locais, regionais, nacionais – que tornaram sua trajetória biográfica um capítulo na constituição de uma São Gonçalo moderna.
Nas interseções entre as vidas do intelectual e da cidade, elaboramos esta Exposição fotográfica, pondo em evidência as possibilidade de se cruzar biografia e história.